Vale a Pena Importar?

Vale a Pena Importar?
4.25 (84.93%) 762 votos

Quem nunca desejou andar bem vestido, usar roupas de marca e ser admirado por seu estilo e bom gosto, não é mesmo?

Todos os dias  vemos como as marcas de luxo influenciam no nosso dia-a-dia e nas nossas escolhas. Elas estão ligadas ao status e bom gosto, e também costumam chamar a atenção das pessoas.

Uma coisa que dificulta a compra é que aqui no Brasil, os produtos importados (roupas, sapatos, cosméticos, suplementos e eletrônicos) são muito mais caros do que nos Estados Unidos. A diferença chega a ser de aproximadamente 300%, e isso enche os olhos de quem deseja importar dos EUA.

Particularmente, eu sempre tive vontade de ter roupas e calçados de marcas famosas, mas sempre os enxerguei como algo difícil de conseguir, devido ao preços do Brasil. E como eu não tenho amigos que viajam para o exterior frequentemente, fica ainda mais difícil comprar um perfume ou eletrônico importado.

Mas não desisti. Comecei a pesquisar na internet, e vi que existe uma maneira de importar roupas, perfumes e eletrônicos originais e com nota fiscal, aproveitando os melhores preços dos Estados Unidos.

Depois de aprender tudo o que precisava para enfim começar a importar, pude comprar tudo o que queria, pagando preços muito abaixo do que é cobrado aqui no Brasil!

Descobri também que existem muitas pessoas que tinham o mesmo desejo que eu, importar produtos dos EUA, e não precisar pagar impostos muitas vezes mais caros que o próprio produto.

Veja no vídeo abaixo, o depoimento de uma aluna do Curso Importando com Sucesso, da Larissa Dobler, mostrando a sua primeira compra e como ela conseguiu economizar com os produtos que comprou:

Agora imagine como seria se você também conseguisse comprar todos os produtos importados que deseja, e pelos melhores preços?

Você estaria pagando o preço que esses produtos realmente valem, sem a enorme carga tributária do nosso país.

Leia o tópico abaixo para saber mais detalhadamente como você pode importar produtos dos Estados Unidos.

Veja o artigo: Como Importar Produtos